Mariangiola Castrovilli intervista il più famoso e simpatico tra i critici cinematografici brasiliani Luiz Carlos Merten giornalista de "O Estado de São Paulo". Parla del cinema italiano, del regista Matteo Garrone, di Paolo Sorrentino e del film la Grande Bellezza, di Toni Servillo e Federico Fellini.

O crítico Luiz Carlos Merten nasceu em Porto Alegre nos anos 1940. Ainda estudava arquitetura quando começou a publicar seus primeiros textos no Diário de Notícias, em 1966. Formado em jornalismo pela UFRGS, trabalhou nos jornais Folha da Manhã, Zero Hora, Gazeta Mercantil Sul e Diário do Sul. Desde 1988 radicado em São Paulo, escreve para O Estado de S. Paulo, sempre dedicado à sua atividade favorita - ver e comentar filmes.


Mariangiola Rio Oltre 
 



 

Last Updated (Wednesday, 23 October 2013 18:15)